Walmir Gil

Trompete e flugelhorn

Bacharel em trompete pela Mozarteum Paulista, WALMIR GIL começou a tocar trompa, aos 10 anos de idade, na banda de música Lira Musical Pedro Salgado, em São Paulo, da qual era regente o seu avô Capitão PM Sebastião Gil.

Na mesma banda, mudou de instrumento e passou para o trompete. Percorreu o caminho que a grande maioria dos músicos percorre: tocando em bailes, casas noturnas e acompanhando artistas.

É um dos mais notáveis trompetistas brasileiros.Integrou bandas de consagrados artistas, entre elas a da cantora Ângela Maria, Djavan, Guinga, Gal Costa, César Camargo Mariano, Simone, Fafá de Belém, etc. E também acompanhou artistas internacionais como Anita O’Day, Bobby Short, Natalie Cole, Sadao Watanabe, Benny Carter,entre outros.

Participa muito freqüentemente de gravações em estúdios.

Comapartilhe

Nenhum comentário ainda.

Deixe seu comentário

You must be logged in to post a comment.